segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

DA PERMANÊNCIA E BANALIDADE DO MAL

- Pensaram que eu tinha ido embora?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATÉ QUANDO, JUDICIÁRIO, ABUSARÁS DA NOSSA PACIÊNCIA?

ATÉ QUANDO, JUDICIÁRIO, ABUSARÁS  DA NOSSA PACIÊNCIA?